Notícias

Conheça algumas curiosidades sobre o Natal ao redor do mundo

O Natal é uma data que revela várias curiosidades pelo mundo. Confira uma lista com 10 peculiaridades sobre essa época do ano pelo mundo.

1) Árvore de Natal tupiniquim. A primeira árvore de Natal montada no Brasil foi em 1909, no Rio Grande do Norte.

2) Toca o sino, em inglês.  Jingle Bells, música natalina tradicional, foi também a primeira música cantada no espaço, no dia 16 de dezembro de 1965.

3) Quem teve a ideia? A árvore de Natal pode até ter sido uma criação da Alemanha, de acordo com uma das teorias, mas foram os ingleses que popularizaram o símbolo tradicional. Estima-se que os ingleses tiveram contato com a tradição de montar a árvore na época do Natal em 1850, quando a rainha Vitória montava árvores enormes na residência de férias, na ilha Wight. Depois, a população britânica passou a imitá-los.

4) Luzinhas na árvore. Foi Edward Johnson, assistente de Thomas Edison, o inventor da lâmpada elétrica, quem teve a ideia, em 1882, de colocar luzinhas nas árvores de Natal. A população só pode comprar as luzinhas, porém, a partir de 1890, nos Estados Unidos, quando foram produzidas em massa.

5)  Missa do Galo. Levar um galo ao ato religioso era um costume em Portugal, Espanha e mesmo no Brasil. Se o animal cantasse, isso seria um sinal positivo para o ano seguinte.

6) Joyeux Noël. A frase ‘Feliz Natal’ pode ser bem diferente em outras línguas, mas entre as derivadas do Latim, é bem parecida: em francês, Joyeux Noël; em espanhol: Feliz Navidad; em italiano: Buon Natale.

7) Noite Feliz. A canção ‘Noite Feliz’ nasceu na Áustria, em 1818, na cidade de Arnsdorf. Quando ratos entraram no órgão da igreja e roeram os foles, o padre foi buscar um instrumento que pudesse substituir o antigo, para que o Natal não passasse sem música. Durante a procura, imaginou como teria sido a noite em Belém e surgiu a melodia.

8) Cores natalinas. O verde simboliza a vida e o renascimento; o vermelho representa o sangue de Jesus Cristo e o dourado referência a luz, riqueza e realeza.

9) Ceias diferentes. Os franceses comem patês de trufas e frutos do mar na ceia de Natal, enquanto os portugueses não dispensam o bacalhau. Os alemães não comem peru e nem farofa, os italianos comem enguia e, na Espanha, é tradição a Rosca dos Reis Magos, com brinquedos no interior da massa.

10) Para os amigos e vizinhos. Natal não é apenas o momento de congregar a família, mas todos os amigos e vizinhos. Na Europa era costume deixar a porta de casa aberta na noite de Natal para que todos que passassem pudessem participar da ceia. Afinal, Natal é época de compartilhar.

Fique por dentro da programação de Natal de Curitiba no site www.natalcuritiba.com.br

Fonte: Gazeta do Povo

< Voltar

Veja também

Apresentações

Praça Rui Barbosa recebe apresentações gratuitas em um caminhão-palco

CONTINUAR LENDO
Apresentações

Espetáculo traz a mensagem de amor, família, generosidade e humildade

CONTINUAR LENDO